ONU: Pare de corromper nossas crianças. Defenda os direitos das mulheres!

Delegadas da Comissão sobre a situação das mulheres nas Nações Unidas (CSW) 67

 

ONU: Pare de corromper nossas crianças. Defenda os direitos das mulheres!

ONU: Pare de corromper nossas crianças. Defenda os direitos das mulheres!

0500.000
  201.241
 
201.241 hebben getekend. Laten we streven naar 500.000!

A ONU está prestes a convocar a 67ª Comissão anual sobre a situação da Mulher (CSW) de 6 a 17 de março, e o chamado para lutar contra a agenda radical proposta é mais crucial do que nunca.

A ONU está abertamente contra nós… porque pregamos a verdade! Eles sabem que o que dizemos é certo… que não existe o direito de acabar com uma vida inocente, que meninos não podem ser meninas e meninas não podem ser meninos, que homens e mulheres são definidos por sua biologia, e não por uma ideologia inventada… coisas que ofendem tão vivamente as instituições radicais de esquerda.

Então o que eles fazem? Eles tentam nos banir, nos silenciar, nos censurar e até nos chamaram de “terroristas”!

Eles têm conspirado para tentar garantir que a única narrativa ouvida seja aquela que apóia abortos sem limites e propaga a agenda LGBT radical.

Estamos prestes a enfrentar uma luta importante. E é por isso que precisamos da sua ajuda nesta próxima batalha.

Este mês, a ONU está prestes a convocar a Comissão sobre a situação das Mulheres (CSW) e o chamado para lutar contra seu radicalismo e os ataques contra à família e à vida tradicional é mais crucial do que nunca.

No rascunho do documento de negociação que temos avaliado minuciosamente na CitizenGO, a Comissão sugere que se promova o aborto, a sexualização de crianças e a ideologia de gênero.

A ONU tem como objetivo promover a chamada “Educação Sexual Abrangente” ou CSE, que se concentra em doutrinar crianças com conteúdo explícito e imoral, incluindo sexualização explícita, propaganda LGBT e mentiras sobre o que define um homem e uma mulher.

Entre muitas coisas, o CSE ainda endossa práticas como a promiscuidade, o ensino da masturbação para crianças de 4 anos, a ideologia de gênero, bem como a iniciação sexual precoce que são prejudiciais para crianças e jovens.

A partir dos quatro anos, a orientação propõe ensinar às crianças que gênero é uma construção social e ensiná-las a “valorizar sua própria identidade de gênero é demonstrar respeito pela identidade de gênero dos outros” a partir dos nove anos.

Incluído também nos objetivos do CSE está levar as crianças a valorizar vários tipos de “famílias não tradicionais” e uma forte ênfase nos chamados “direitos LGBT”. A UNESCO descaradamente divulga sua abordagem como “baseada em evidências”.

A voz pró-família está sendo atacada e é hora de defendê-la!

Assine esta petição pedindo aos diplomatas, delegados do governo e todos do Brasil, que descartem os parágrafos que reconhecem o aborto como um direito e pressionam pela sexualização de crianças, disfarçado de 'Educação Sexual Abrangente' (CSE).

Assim, com a sua ajuda, nosso objetivo na CitizenGO na próxima CSW é claro. Estamos trabalhando incansavelmente ao lado de outros grupos pró-vida e pró-família para impactar a resolução final da Comissão.

A abordagem atual da Agência da ONU para a educação sexual é um claro perigo para as crianças! Sabemos o quanto é importante combater cada parágrafo do rascunho do documento que representa perigos tão repugnantes para nossas crianças.

É fundamental que não deixemos isso acontecer!

Sabemos que qualquer coisa aprovada nesta Comissão da ONU pode facilmente servir de base para agentes globalistas expandirem a ideologia de gênero, a sexualização infantil e a agenda do aborto no mundo. Sabemos o quanto é importante lutar contra cada parágrafo do rascunho do documento.


Referências:

  1. A CSW - Comissão sobre a Situação da Mulher 
    https://www.gov.br/mdh/pt-br/navegue-por-temas/politicas-para-mulheres/arquivo/assuntos/acoes-internacionais/Articulacao/articulacao-internacional/onu-1/CSW%20-%20atualizado.pdf

  1. Dia Internacional das Mulheres 2023: “Por um mundo digital inclusivo: inovação e tecnologia para a igualdade de gênero”
    https://www.onumulheres.org.br/noticias/dia-internacional-das-mulheres-2023-por-um-mundo-digital-inclusivo-inovacao-e-tecnologia-para-a-igualdade-de-genero/

  2. Site da Comissão sobre o Status da Mulher 2023:
    https://www.unwomen.org/en/csw/csw67-2023

  1. Presidente da ONU pede introdução de educação sexual nas escolas (The Nation)
    https://thenationonlineng.net/un-chair-calls-for-introduction-of-sex-education-in-schools/

  1. Educação Sexual Abrangente
    https://www.comprehensivesexualityeducation.org/cse-news-page/b

 
0500.000
  201.241
 
201.241 hebben getekend. Laten we streven naar 500.000!

Bevestig je ondertekening

Teken nu de petitie!

 
Please enter your email
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your country
Please enter your zip code
Maak alsjeblieft een keuze:
We process your information in accordance with our Privacy Policy and Terms of Service

Delegadas da Comissão sobre a situação das mulheres nas Nações Unidas (CSW) 67

Prezados Diplomatas e Delegados Governamentais do Portugal, 

Prezados agentes das Nações Unidas CSW 67

Com o início das preparações da CSW 67, em 6 de março de 2023, nas Nações Unidas em Nova York, gostaria de expressar minha consternação e total repulsa com a agenda extrema no conteúdo do rascunho do documento de conclusões.

Todos os anos, quando a Comissão sobre o Status da Mulher acontece, sempre espero que questões reais que afetam as mulheres em todo o mundo sejam discutidas. É sempre decepcionante quando acontece o contrário.

As conclusões do rascunho deste ano estão longe de abordar isso, em vez disso, o rascunho promove a sexualização de crianças por meio da radical chamada “Educação Sexual Abrangente”, ideologia de gênero e até aborto.

Excelência, com esta petição, convoco-a a fazer a coisa certa, a falar pelas verdadeiras mulheres de nossos países. Por favor, rejeite a educação sexualizada de seus filhos, o assassinato de seus bebês por meio do aborto ou a ideologia de gênero.

Eu lhe imploro que toda a linguagem sobre saúde e direitos sexuais e reprodutivos, aborto, diversidade sexual, ideologia de gênero e “educação sexual abrangente” seja removida do primeiro rascunho - conforme capturado nos parágrafos 12, 13, (LGBT), 26 (CSE), 31 (SRHR), 39.1 (SOGI).

Tenha as prioridades certas como saúde, água potável, educação adequada, infraestrutura e emprego para mulheres no topo da agenda das conclusões.

Cordialmente,

[Jouw naam]

Delegadas da Comissão sobre a situação das mulheres nas Nações Unidas (CSW) 67

Prezados Diplomatas e Delegados Governamentais do Portugal, 

Prezados agentes das Nações Unidas CSW 67

Com o início das preparações da CSW 67, em 6 de março de 2023, nas Nações Unidas em Nova York, gostaria de expressar minha consternação e total repulsa com a agenda extrema no conteúdo do rascunho do documento de conclusões.

Todos os anos, quando a Comissão sobre o Status da Mulher acontece, sempre espero que questões reais que afetam as mulheres em todo o mundo sejam discutidas. É sempre decepcionante quando acontece o contrário.

As conclusões do rascunho deste ano estão longe de abordar isso, em vez disso, o rascunho promove a sexualização de crianças por meio da radical chamada “Educação Sexual Abrangente”, ideologia de gênero e até aborto.

Excelência, com esta petição, convoco-a a fazer a coisa certa, a falar pelas verdadeiras mulheres de nossos países. Por favor, rejeite a educação sexualizada de seus filhos, o assassinato de seus bebês por meio do aborto ou a ideologia de gênero.

Eu lhe imploro que toda a linguagem sobre saúde e direitos sexuais e reprodutivos, aborto, diversidade sexual, ideologia de gênero e “educação sexual abrangente” seja removida do primeiro rascunho - conforme capturado nos parágrafos 12, 13, (LGBT), 26 (CSE), 31 (SRHR), 39.1 (SOGI).

Tenha as prioridades certas como saúde, água potável, educação adequada, infraestrutura e emprego para mulheres no topo da agenda das conclusões.

Cordialmente,

[Jouw naam]