A ONU QUER IMPOR O ABORTO

Petição dirigida à Comissão de População e Desenvolvimento das Nações Unidas

 

A ONU QUER IMPOR O ABORTO

01.000.000
  527.583
 
527.583 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 1.000.000 assinaturas.

A ONU QUER IMPOR O ABORTO

A 53ª sessão da Comissão das Nações Unidas para População e Desenvolvimento estava programada ser realizada entre os dias 30 de março e 3 de abril em Nova York.

A reunião foi adiada como resultado da crise do coronavírus, mas no dia 29 de maio foi divulgado que a reunião ocorreria no dia 22 de junho. O objetivo? Definir as prioridades para o uso dos fundos arrecadados para a reconstrução do desastre do coronavírus.

E as prioridades são:

  • Facilitar o acesso ao aborto legal e seguro para mulheres e adolescentes;
  • Facilitar o acesso a preservativos e contraceptivos para jovens e adolescentes;
  • Educação sexual abrangente em todas as idades; isto é, doutrinação de gênero.

O documento é chamado de "Projeto sobre População, Segurança Alimentar, Nutrição e Desenvolvimento Sustentável no Contexto de Coronavírus". No entanto, observa o seguinte:

“Nós, representantes do governo, por ocasião da 53ª sessão da Comissão de População e Desenvolvimento, em uma crise sem precedentes causada pelo coronavírus, nos comprometemos a garantir o acesso universal aos serviços de saúde sexual e reprodutiva até 2030, incluindo planejamento familiar, informação e educação e a integração da saúde reprodutiva nas estratégias e programas nacionais. Também estamos comprometidos em garantir o acesso à saúde sexual e reprodutiva e aos direitos reprodutivos, de acordo com o que foi acordado no Programa de Ação da Conferência sobre População e Desenvolvimento e na Plataforma de Ação de Pequim e nos documentos emanados das referidas cúpulas. ”

Escusado será dizer que, na língua da ONU, "saúde sexual e reprodutiva" significa aborto.

Eles querem impor o aborto universal!

Temos que parar com essa barbárie. Ao assinar esta campanha, você enviará um e-mail para os altos funcionários da Comissão de População e Desenvolvimento das Nações Unidas.


 
 
+ Letter to:

Assine esta petição agora!

 
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your email
Please enter your country
Please enter your zip code
Por favor, escolha uma opção:
Procesamos seus dados pessoais de acordo com nossas Política de privacidade e nossos Termos de uso.Ao assinar você aceita os termos de uso da CitizenGO e sua política de privacidade, e aceita receber mensagens de e-mail sobre nossas campanhas. Você pode cancelar seu cadastro na lista a qualquer momento.

O aborto não é um direito; é um fracasso

À Comissão de População e Desenvolvimento,

Leio com preocupação um trecho do rascunho do documento que pretendem aprovar na reunião do próximo dia 22 de junho. 

Em vez de concentrar-se na segurança alimentar e na solução da crise, priorizam o acesso ao aborto, aos contraceptivos e à pílula do dia seguinte. 

O aborto não diz respeito à saúde; tampouco é um direito. É um fracasso para a mãe e para toda a sociedade.

Não usem a crise do coronavírus para projetos ideológicos. A ajuda para o desenvolvimento não pode ser condicionada à promoção da morte de bebês não nascidos.

Seus esforços deveriam centrar-se naquilo que realmente importa: o acesso universal à água potável, à alimentação e à saúde. 

[Seu nome]

A ONU QUER IMPOR O ABORTO

Assine esta petição agora!

01.000.000
  527.583
 
527.583 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 1.000.000 assinaturas.