AJUDE ANN KIOKO A DEFENDER A VIDA DO NASCITURO NO QUÊNIA

Hon. Mutahi Kagwe,

 

AJUDE ANN KIOKO A DEFENDER A VIDA DO NASCITURO NO QUÊNIA

0200.000
  145.815
 
145.815 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 200.000 assinaturas.

AJUDE ANN KIOKO A DEFENDER A VIDA DO NASCITURO NO QUÊNIA

A indústria do aborto intensifica seu ataque ao Quênia e ao movimento pró-vida daquele país.

E quando Ann Kioko expôs suas ações ilegais, eles revidaram com um processo.

Em 2018, Ann iniciou uma petição para solicitar a investigação da Marie Stopes, uma rede internacional de centros de aborto, por anunciar serviços de aborto sob demanda sob o disfarce de “atendimento pré-natal” no Quênia, algo proibido pela lei queniana.

Devido à investigação de Ann, o governo enviou a polícia para investigar um centro de aborto Marie Stopes, onde encontraram meninas menores de idade na fila para injeções abortivas - mais um ato flagrantemente ilegal.

Mas, em vez de impedir suas ações ilegais, Marie Stopes está desrespeitando a lei e busca calar Ann e impedi-la de mencionar seu nome em qualquer fórum público.

É por isso que espero que você apoie Ann assinando esta petição ao Ministério da Saúde, encorajando-os a permanecer firmes em sua censura da Marie Stopes e de qualquer outro provedor de aborto que descumpre a lei e mata crianças em gestação.

+ Letter to:

Assine esta petição agora!

 
Please enter your email
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your country
Please enter your zip code
Por favor, escolha uma opção:

My SignIt

Marie Stopes debocha de todos quenianos ao mostrar seu total desprezo, não apenas pelas leis do Quênia, mas pela vida humana no útero.

Eu encorajo você a permanecer firme diante da pressão e defender as punições por suas transgressões e uma investigação mais detalhada por suas práticas questionáveis.

Mesmo agora, a Marie Stopes está tentando fugir da punição e fazer com que o pedido de Ann Kioko junto ao tribunal seja rejeitado. Eles estão até tentando proibi-la legalmente de mencionar o nome deles novamente.

Este desrespeito pelas leis do Quênia não pode ser mantido, e eu o exorto a agir em defesa de Ann e do nascituro.

[Seu nome]

AJUDE ANN KIOKO A DEFENDER A VIDA DO NASCITURO NO QUÊNIA

Assine esta petição agora!

0200.000
  145.815
 
145.815 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 200.000 assinaturas.