Que os nossos representantes na OEA respeitem a vida, a família e a liberdade religiosa!

Petiçao para o Ministério das Relações Exteriores

 

Que os nossos representantes na OEA respeitem a vida, a família e a liberdade religiosa!

020.000
  10.217
 
10.217 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 20.000 assinaturas.

Que os nossos representantes na OEA respeitem a vida, a família e a liberdade religiosa!

A OEA está recebendo candidaturas de todos os países membros para postos importantíssimos.

Nos anos anteriores, países que representam uma cultura pró-vida e pró-família nomearam abortistas e feministas radicais. Os resultados desses descuidos políticos foram desastrosos.

O posto mais importante que será eleito na próxima Assembléia Geral será o de Secretário Geral da OEA, mas além deste há quatro postos da comissão de direitos humanos.

Por exemplo, uma das atuais comissionadas da comissão de direitos humanos, a jamaicana Tracy Robinson, viajou para a Nicarágua (um país pró-vida) em 2012 a convite do grupo abortista IPAS para promover o aborto! Agora ela está encarregada de promover o casamento gay em toda a América Latina.

Outro comissionado, o argentino Victor Abramovich, saiu da comissão apenas para fazer parte do escritório de advogados abortista mais importante a nível internacional: o Center for Reproductive Rights.

A OEA é verdadeiramente um ninho de víboras e só deixará de sê-lo se nos fizermos ouvir.

As votações oficiais ocorrerão no Haiti em Junho de 2015 durante a próxima Assembléia Geral, mas é importante que os nossos governos escutem nossa voz agora, já que as negociações para postular os candidatos já estão ocorrendo.

Se não levantarmos nossa voz, a OEA continuará sendo manipulada por abortistas e feministas radicais.

Por favor, assine e compartilhe esta petição para que o nosso governo respeite a nossa identidade cultural e não se deixe levar pelas correntes das ONG’s mais radicais.

Exijamos que os nossos representantes na OEA respeitem a vida, a família e a liberdade religiosa!

Esta petição foi criada por um cidadão ou uma organização independente de CitizenGO. Por essa razão, CitizenGO não é responsável por seu conteúdo.
+ Letter to:

Assine esta petição agora!

 
Please enter your email
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your country
Please enter your zip code
Por favor, escolha uma opção:

Por favor, respeitem a vida, a família e a liberdade religiosa na OEA!

No próximo ano no Haiti, todos os países membros da OEA votarão para decidir cargos muito importantes a nível internacional, como o de Secretário Geral da OEA e comissionados da Comissão Interamericana de Direitos Humanos.

Quero que saiba que qualquer pessoa a ser respaldada por nosso governo deve comprometer-se com a proteção dos valores culturais que definem a nossa identidade como povo.

Não queremos representantes internacionais que impulsionem as políticas e resoluções abortistas, nem o feminismo radical e muito menos a supressão da nossa liberdade religiosa.

Peço que façam uma análise detalhada das posturas de todos os candidatos a respeito desses temas antes de votar por eles. Se os candidatos não se comprometem a proteger o direito à vida, à família e à liberdade religiosa, não votem por eles.

A OEA pode ser uma força para o bem comum. Não permita que ela seja utilizada para os interesses dos abortistas e das feministas radicais.

Conto com sua atenção quanto a esses temas, que são de vital importância para o nosso povo. 

[Seu nome]

Que os nossos representantes na OEA respeitem a vida, a família e a liberdade religiosa!

Assine esta petição agora!

020.000
  10.217
 
10.217 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 20.000 assinaturas.