Pela anulação do evento ''Academia TransLiterária''

Petição dirigida a: Prefeitura

 

Pela anulação do evento ''Academia TransLiterária''

050.000
  28.333
 
28.333 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 50.000 assinaturas.

Pela anulação do evento ''Academia TransLiterária''

O evento "Academia TransLiterária" pretende realizar uma coroação de “Nossa Senhora dos Travestis" em plena Virada Cultural de Belo Horizonte, evento financiado com o dinheiro público dos belo-horizontinos. Isso se trata, explicitamente, de um vilipêndio da fé católica e do sentimento religioso de inúmeros cristãos que reverenciam Nossa Senhora como Mãe de Jesus Cristo, além de ser um pecado gravíssimo que inclusive é previsto como crime no nosso Código Penal. Art. 208 do Código Penal: "Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso". Assine a petição ao Prefeito de Belo Horizonte para o CANCELAMENTO desse evento sacrílego.

Esta petição foi criada por um cidadão ou uma organização independente de CitizenGO. Por essa razão, CitizenGO não é responsável por seu conteúdo.
+ Letter to:

Assine esta petição agora!

 
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your email
Please enter your country
Please enter your zip code
Por favor, escolha uma opção:
Procesamos seus dados pessoais de acordo com nossas Política de privacidade e nossos Termos de uso.Ao assinar você aceita os termos de uso da CitizenGO e sua política de privacidade, e aceita receber mensagens de e-mail sobre nossas campanhas. Você pode cancelar seu cadastro na lista a qualquer momento.

Petição dirigida a: Prefeitura

Senhor Prefeito Alexandre Kalil, os cristãos e todos os homens de boa vontade vêm pedir o cancelamento do evento “Academia TransLiterária”, previsto para acontecer no dia 20/07, sábado, na Virada Cultural de Belo Horizonte. A razão é que foi autorizada pela Secretaria de Cultura de Belo Horizonte, de chefia dos Secretários Juca Ferreira e Gabriel Portela, a realização de uma blasfema “Coroação da Nossa Senhora das Travestis”. Tal ato é uma afronta grave e direta contra o sentimento religioso dos cristãos, majoritários no Brasil e em Belo Horizonte, e constitui crime previsto no art. 208 do Código Penal.

Eis a tipificação: “Vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso: Pena - detenção, de 1 (um) mês a 1 (um) ano, ou multa. “

Vossa Excelência, referida “coroação”, financiada com dinheiro público, envergonha e assusta os belo-horizontinos, os cidadãos ordinários, os católicos, enfim, todos aqueles que têm Nossa Senhora como Mãe. Permitir a realização desse evento é autorizar um ataque direto e frontal de uma minoria intolerante contra aquilo que sustenta e mantém de pé a esperança do dia a dia da maioria de nossa população: a fé e a adoção maternal de Maria Santíssima.

E mais: autorizar tal vilipêndio mancharia a história da cidade e tornaria criminoso o uso de verbas públicas que, obtidas pelo suor dos cidadãos, seriam empregadas em favor de um grupo truculento que chama de “arte” o desrespeito, a blasfêmia, o acinte, a gozação, enfim, o brincar com o sagrado.

Nada mais distante do sentimento dos cidadãos católicos e cristãos, que exigem respeito!

Por tal razão, exigimos o CANCELAMENTO deste evento e a retratação da Prefeitura de Belo Horizonte por tão levianamente ter autorizado essa vergonha.

Atenciosamente,
[Seu nome]

Pela anulação do evento ''Academia TransLiterária''

Assine esta petição agora!

050.000
  28.333
 
28.333 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 50.000 assinaturas.